Capa

VOLEI-GUARULHOS

Vedacit Vôlei Guarulhos entra no universo dos NFTs e fará surpresa para quem for à semifinal no sábado, 16

Parceria inédita com a DaX, torna o VVG o primeiro time de voleibol a ter iniciativas no mercado de ativos digitais colecionáveis

14.04.2022  |  229 visualizações

          A segunda rodada da semifinal entre Vedacit Vôlei Guarulhos e Fiat Gerdau Minas, neste sábado, 16, às 19h, além de muitas emoções promete também novas experiências tecnológicas aos torcedores que forem ao Complexo Poliesportivo do CEU Cumbica (Avenida Atalaia do Norte, 544 - Jardim Cumbica). Nessa fase de mata-mata o time guarulhense busca classificação inédita para as finais e terá que brigar pela vitória, para forçar um terceiro confronto. Já que no primeiro jogo, dia 9, em Belo Horizonte, a equipe comandada por Guilherme Novaes foi derrotada por 3 sets a 0.

          Mas o time da casa vai contar com pelo menos 2 mil torcedores que devem lotar as arquibancadas do ginásio. Os ingressos com venda on-line estão esgotados desde a manhã de quarta-feira, 12.  O jogo terá transmissão ao vivo pelos canais Sportv e TV N Sports, apenas para assinantes.

          Os portões do CEU Cumbica serão abertos ao público às 17h.

Tecnologia e Esporte

          Os torcedores "flechas", que nessa temporada deram um show de animação e incentivo ao time guarulhense, motivaram a parceria entre o Vedacit Vôlei Guarulhos e a DaX, uma startup que planeja experiência, tokeniza ativos e cria marketplaces exclusivos de assets digitais e outras experiências próprias do mundo digital.

          Para marcar mais essa participação histórica nos playoffs da Superliga Masculina 2021-2022, os parceiros vão disponibilizar ativos colecionáveis, através de uma tecnologia blockchain, para todos que já garantiram seus ingressos. O blockchain é uma inovação que permite, de forma segura, transações das chamadas criptomoedas ou moedas digitais, mas também diversas outras experiências, como as NFTs que fazem parte da ação promocional que o VVG e a DaX estão oferecendo.

          A mecânica será simples: quem comprou o ingresso pela plataforma receberá um e-mail com informações de como escolher, gratuitamente, uma das duas artes com NFTs disponíveis. Serão dois posters exclusivos e comemorativos da partida.

          As NFTs (tokens não-fungíveis) vêm criando uma revolução no mundo dos colecionáveis no esporte. “Com os ativos digitais, é possível romper barreiras para oferecer uma ilustração exclusiva, um 3D, uma mensagem do técnico no dia do jogo, o hino do seu clube, um clipe com o último ponto do jogo. Criar experiências inesquecíveis no ginásio, acompanhar um dia de treino com seu atleta e, com isso, iniciar uma experiência física com residual digital ou vice e versa", explicou Claudio Olimpio, CEO da DaX. 

          A ideia é surpreender os apaixonados pelo esporte. "Nosso desafio é criar experiências exclusivas, por meio de grandes projetos com NFTs, tokens e fantokens no esporte, e acreditamos que os ativos únicos e raros serão a porta de entrada para estreitar o relacionamento do clube com seus torcedores.”, concluiu Olimpio.

           Para o presidente esportivo do VVG, Anderson Marsili a nova parceria amplia ainda mais as metas do projeto que nasceu de olho no futuro. ""Estamos vivendo um momento especial dentro e fora de quadra. Além de disputarmos uma semifinal de Superliga, algo extraordinário para uma segunda participação na elite, temos o prazer de anunciar essa parceria com a DaX que irá eternizar esse momento através dos NFTs. Somos o primeiro clube de vôlei a ter iniciativas nesse universo digital, e, o que é mais importante, beneficiando os nossos torcedores.", concluiu.

 

Sobre o time VVG

          O VVG é formado pelos seguintes jogadores: Franco William Cargnin Paese – Franco (oposto). 31 anos, 2,01m; Gustavo Rodrigues Nicomedes – G. Nicomedes (levantador). 21 anos, 1,95m; Henrique Parreira Batagim – Batagim (ponta). 28 anos, 1,97m; João Cordeiro Franck – Franck (ponta). 22 anos, 2,03m; Marcos Paulo Soares Cerqueira – Marcão (central). 21 anos, 2,02m; Matheus Alejandro Hoffmann da Cunda – Alejandro (central). 30 anos, 2,07m; Pedro Amaral Cortal Santos – Pedrinho (líbero – reserva). 17 anos, 1,67m. Renato Russomanno dos Santos – Renato Pato (ponta). 38 anos, 1,96m; Rogério Batista de Carvalho Filho – Rogerinho (líbero). 26 anos, 1,67m; e Victor Babugia Araujo – Babu (central). 25 anos, 2,02m.

          Além de, Deivid Mota Silveira – Deivid (ponta). 33 anos, 1,98m; Geovane Kuhnen – Geovane K. (central). 21 anos, 2,10m; Luiz Felipe Pantaleão – Pantaleão (oposto). 23 anos, 1,94m e Sandro Barbalho de Carvalho – Sandro (levantador e Capitão). 40 anos, 1,87m.

          Comissão técnica com Guilherme Novaes (técnico); Rafael de Oliveira (fisioterapeuta); João Ricardo (assistente técnico); Flávio Tavares (auxiliar técnico e técnico do VVG Base); e Daniel Jorge (supervisor técnico).

 

Sobre o Vedacit Vôlei Guarulhos - @voleiguarulhos

          A equipe profissional de vôlei masculino Vedacit Vôlei Guarulhos foi formada em 2018, como parte dos projetos de gestão esportiva do jornalista Anderson Marsili, o presidente esportivo do time e diretor presidente da Associação Social Esportiva Índios Guaru. A sede da equipe é a cidade de Guarulhos, Grande São Paulo, que tem aproximadamente 1,4 milhão de habitantes.  Foi Campeão da Superliga C - 2019; Campeão da Superliga B - 2020; 9o. lugar da Superliga Banco do Brasil - 2021; Vice-Campeão Paulista - 2021; Semifinalista da Copa Brasil de Vôlei 2022 e da Superliga Masculina 2021-2022.

          O Vedacit Vôlei Guarulhos trabalha com categorias de base Sub 19 e Sub 21, visando fortalecer o desenvolvimento da modalidade na cidade e no Brasil.

          Na área social mantém o Projeto Vôlei do Bem com ações beneficentes e educativas com as comunidades em situação de vulnerabilidade nas periferias da cidade de Guarulhos, beneficiando especialmente jovens e suas famílias.

Diversidade na prática

          Valorizar a diversidade humana e apoiar campanhas de conscientização e de justiça social tem se transformado em práticas de dentro para fora das quadras. O VVG participou ativamente nas campanhas de segurança sanitária para o enfrentamento à pandemia do coronavírus e incentivou a vacinação em massa de adultos e crianças contra a covid-19.

          O plano de Comunicação contempla campanhas como Setembro Amarelo, Outubro Rosa, Novembro Azul e do Dia da Consciência Negra, mas vai além de apenas vestir os jogadores com cores diferenciadas. Jogadores e equipe técnica participam de diálogos, palestras e são motivados a usarem suas redes sociais para disseminar as ações do projeto.

          O time está totalmente engajado na questão de igualdade racial e de gênero. Apesar de ser um time da categoria Masculina, muitas mulheres atuam na gestão do projeto e garantem um ambiente onde a equidade é levada a sério.

          Não é por acaso que o time usa o grito de guerra "vai flecha". A frase remete às origens indígenas da etnia Índios Guaru, os primeiros habitantes da região antes de se transformar em Município de Guarulhos, o segundo maior do Estado de São Paulo.

          Atualmente o time mantém parceria com a comunidade multiétnica Filhos Dessa Terra, localizada no Portal dos Gramados. Uma das moradoras da aldeia é a técnica de enfermagem e assistente social Vanuza Kaimbé, de 50 anos, primeira indígena a ser vacinada contra a Covid no estado de São Paulo.

          Em setembro de 2021 assinou convênio com a Prefeitura da Cidade de Guarulhos para implantação do trabalho de aprimoramento das categorias de base masculino e feminino (Sub 13, Sub 15 e Sub 17), categoria 50+ com Vôlei Adaptado e capacitação de profissionais de Educação Física da rede municipal. O projeto possibilitará a expansão das atividades sociais e esportivas, tendo como objetivo a transformação e desenvolvimento de crianças e adolescentes por meio do voleibol.

          A partir de janeiro de 2022, estreia o Projeto Flechinhas em convênio com o Governo do Estado de São Paulo, com objetivo de oferecer atividades de iniciação esportiva, com foco na modalidade do voleibol, para crianças e adolescentes oriundas de comunidades em situação de vulnerabilidade social de Guarulhos, especialmente no contraturno escolar. O plano de trabalho também visa fortalecer a implantação de políticas públicas na cidade, ampliando a atuação do Vedacit Vôlei Guarulhos que já mantém, além da equipe adulta masculina, atividades de formação com times de base, incluindo categoria feminina e vôlei adaptado para adultos com mais de 50 anos de idade.

          O Projeto Flechinhas deverá beneficiar 300 crianças e adolescentes e as atividades serão oferecidas na sede do time, no Ginásio da Ponte Grande (Estádio Arnaldo José Celeste) - Av. Domingos Fanganielo, 315/317, Vila Melliani, Guarulhos (SP).

 

Sobre a Vedacit

          Líder no mercado de impermeabilização e produtos de alta tecnologia para a construção civil, a Vedacit apresenta soluções inovadoras para a durabilidade e saúde das edificações e se aproxima das famílias brasileiras com soluções que são utilizadas no dia a dia, de forma prática e eficiente. A empresa, com 85 anos de atuação, eleva a impermeabilização a um patamar de maior modernidade estando mais perto das necessidades de seus consumidores. São mais de 100 produtos em suas linhas de impermeabilizantes, materiais para a recuperação de estruturas e aditivos para concreto, desenvolvidos em laboratório próprio, com a mais alta tecnologia para oferecer soluções apropriadas a diferentes dimensões. Seus itens podem ser encontrados em mais de 50 mil pontos de venda.

          Genuinamente nacional, a Vedacit possui três unidades fabris, duas em São Paulo - capital e nova unidade em Itatiba - e uma em Salvador, abastecendo todas as regiões do Brasil. Conta ainda com quatro grandes regionais distribuídas estrategicamente pelo país. Para reforçar o compromisso com a sustentabilidade, a Vedacit é uma empresa associada ao Conselho Empresarial para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS).

 

Sobre a Prevent Senior Sports - @preventseniorsports

         É um projeto inédito que consiste na criação de um centro de medicina desportiva de ponta, apoiado em processos de alta tecnologia. O objetivo é auxiliar atletas a terem maior rendimento e menos lesões. Os esportistas beneficiados têm acompanhamento integral em saúde. Isto é, de médicos, nutricionistas, psicólogos, além de exames periódicos. A novidade da iniciativa é que, pela primeira vez, uma empresa de saúde está patrocinando equipes desportivas sem a injeção direta de recursos. No projeto, a empresa vai desenvolver protocolos de atendimento específicos para os atletas, os quais poderão ser adotados para pacientes comuns e atletas amadores que sejam beneficiários da operadora de saúde.

 

Sobre a Bet77.bet – o saque mais rápido do Brasil

          A Bet77, operada pela empresa Bettergames Entertainment, pertence ao grupo Global que já tem mais de 10 anos de experiência no mercado de apostas online. É um website de entretenimento que oferece a seus usuários uma experiência única em apostas esportivas.  O Grupo Global tem mais de 5.000 pontes de casa de apostas espalhadas por todo Brasil. As modalidades de apostas incluem futebol, basebol, basquete, tênis, tênis de mesa, boxe e MMA, futebol americano, vôlei e handebol. Atualmente a Bet77.bet é a patrocinadora oficial dos times Londrina Esporte Clube (PR), Globo Futebol Clube (RN), Corinthians Fut7 (SP) e Vedacit Vôlei Guarulhos (SP).

 

Assessoria de Comunicação e Imprensa

Diretoria de Comunicação – Claudia Alexandre – (11.97061-5995) – @claualex16

Relacionamento com a Mídia – Camila Alexandre – (11.97326-9170) – @camih87

Assistente de Comunicação – Ícaro Oliveira – (11.97575-2121) – @ico.marsili

Leia também...
04.05.2022

Com a melhor temporada de sua história, a equipe continua com o apoio da empresa líder em seu segmento

17.04.2022

Em clima de decisão a equipe guarulhense recebeu o líder da competição no Complexo Poliesportivo CEU Cumbica, no Jardim Cumbica, para acolher quase 2.000 torcedores, que cobriram de amarelo (cor oficial do time) as arquibancadas do ginásio.

15.04.2022

Em quadra, Novaes sabe que o foco será fundamental para buscar a vitória e forçar um terceiro duelo.

09.04.2022

A disputa na Arena UniBH terminou com parciais de 25/21, 25/19 e 25/19.